terça-feira, abril 03, 2007

Jardim

As maravilhas foram as primeiras. Há uma que já abriu completamente, pétalas laranja a brilhar no branco da parede, no verde da relva. Há mais duas ou três à espera do sol, para se juntarem aos lírios e aos narcisos amarelos e perfumados. A hortencia, no meio do relvado, é uma pequena ilha em cor-de-rosa e a roseira lá vai, em direcção ao céu, os primeiros botões a despontarem. Ao lado da nabiça e das tomateiras-cereja, arrumadinhas no dois metros quadrados reservados à horta, onde já está a salsa, o mangericão, a hortelã pimenta, a hortelã da ribeira e a hortelã só hortelã, que deixam os gatos malucos com o cheiro, vá-se lá saber porquê. A videira que veio do Alentejo parece ter uma folha nova todos os dias e o marmeleiro, a árvore plantada pelo homem cá de casa parece decidida a ultrapassar o muro do vizinho, de tal maneira lá vai, ramos direitos, cheios de folhas, numa corrida contra o tempo.
Só as tulipas me andam a trocar as voltas, mas também elas crescem um bocadinho todos os dias. Agora têm companhia nova, acabada de chegar do Jardim Botânico da Ajuda: uma sempre noiva e um rododendro, compradas, mais uma erva de são roberto e uma torga, roubadas, que as flores não se pedem, levam-se, apesar do olhar de pânico do homem da casa, indignado com o assalto, não fosse algum botânico descobrir e obrigar-se a esvaziar os bolsos.
São vinte, talvez trinta metros quadrados, no coração da cidade, a dois passos de um outro jardim, muito maior, onde os lisboetas se esquecem de ir passear. São os meus metros quadrados, os meus hectares de terra na varanda, a minha pequena herdade onde tudo cresce, nem eu sei bem como e onde, de cada vez que lá vou, cresce também a minha paz.
Entrem. Estão todos convidados.

8 Comments:

Blogger scbmf said...

E uma fotos para nos roermos (ainda mais) de inveja?!

9:50 da manhã  
Blogger panamá said...

parece um paraíso! que mistura de sensações que o texto transmite: de cores e cheiros...devem ser deliciosos! beijocas, querida!

12:19 da tarde  
Blogger gracinha, a artista do burlesco said...

sim sim!!! estou mesmo a fazer-me convidada!!!

4:08 da tarde  
Anonymous maray said...

Já entrei pelas tuas letras! Os nomes das flores e plantas são outros dos daqui, mas flores são lindas em qualquer parte, tenham elas os nomes que tiverem! Aqui, deste lado do oceano, minhas flores principiam a murchar e as folhas amarelam. É nosso outono. Um dia ainda realizo o sonho de ter duas primaveras num ano!!

6:08 da tarde  
Blogger cruelenelcartel said...

fico contente por teres voltado a escrever com mais frequencia..
gosto de vir aqui
bj

7:06 da tarde  
Blogger Just Be Fair said...

Um cantinho muito engraçado.
Li uns quantos posts. Muito bem escritos.
A vida não é fácil.
Espero que tudo corra bem.

3:23 da manhã  
Blogger Just Be Fair said...

Um cantinho muito engraçado.
Li uns quantos posts. Muito bem escritos.
A vida não é fácil.
Espero que tudo corra bem.

3:23 da manhã  
Blogger elisa said...

E com esta descrição, dá vontade de entrar, se dá;)
Beijinhos

11:03 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home