quinta-feira, agosto 25, 2005

Pequenos pormenores sem importância

Ele:
Nunca hei-de perceber por que raio insistes tu em guardar todos estes exemplares da Grande Reportagem se sabes que nunca mais os vais ler na vida. Isto e mais a colecção de números 1 de jornais e revistas que já abriram e já fecharam e já ninguém se lembra deles.

Ela:
Pois eu percebo. E percebo também por que razão há cinco anos nos separámos, apesar desses teus olhos verdes e do sexo bom e da casa com uma sala sobre o rio onde eu queria instalar uma biblioteca e tu querias construir um ginásio. Por momentos, a memória selectiva e os teus olhos verdes quase me fizeram esquecer do resto.

11 Comments:

Blogger Rita said...

:D

Cá em casa é mais do género:

Ela: e se deitássemos isto fora? Afinal, achas que vamos voltar a lê-las?

Ele: Pois, se calhar, era melhor. É que já são muitas...

Ela: Pois são. E o pó...

Ele: Eh, pá, mas esta não... e esta também não...

Ela: E esta então nem pensar, muito menos aquela.

Conclusão: casadíssimos e com montanhas de revistas agora atadas com cordéis numa divisória a que chamamos escritório.

11:32 da tarde  
Blogger MaDi said...

:D

É por isso que não precisas ficar em dúvida entre o bom sexo e as revistas,rita!

11:09 da manhã  
Blogger Mikado said...

Coleccionamos tanta coisa, amontoamos tanta tralha, agarramo-nos a números 1, com medo que o número 2456 já nada nos diga...mas sobretudo coleccionamos desencontros e mais desencontros.

11:43 da manhã  
Blogger polegar said...

a história da minha vida há uns anos atrás... depois parei de comer queijo.

3:50 da tarde  
Anonymous reluis said...

Ele: mas por que escreves estes postes sobre nós?

Ela: para te irritar.

Ele: e quando vais parar de escrever estes postes?

Ela: quando deixares de te irritar com eles.

6:47 da tarde  
Anonymous reluis said...

lisboa está tão porca que tu estás a precisar de férias, rapariga.

6:49 da tarde  
Blogger Rita said...

Fico com tudo...

12:40 da manhã  
Blogger maria said...

:)

11:20 da manhã  
Blogger Margarida Atheling said...

Pois sim. Serão pormenores, mas...

10:44 da manhã  
Blogger Maria, la portuguesa... said...

Realmente o mais fácil do casamento é...casar! E o mais dificil...continuar casado!

2:04 da tarde  
Blogger ISA said...

Giro!!!

5:26 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home