domingo, fevereiro 27, 2005

Mãe

Os dias são uma caixa cheia de surpresas. Cartas fechadas, dizia a minha avó,que não sabia que hoje já ninguém escreve a ninguém e que os correios estão a ir à falência. Cartas fechadas como os casamentos. Como os namoros. Cartas fechadas, diz a minha mãe quando choro no seu colo os dias sem cor. São cartas fechadas mas podem ter o arco-íris lá dentro, diz ela. E eu acredito.

3 Comments:

Anonymous Nuno said...

Quem sabe se num dia destes encontrarás um arco-íris. Acredita. Sim, acredita.

12:40 da manhã  
Blogger Mikado said...

Cada amor é uma carta fechada, selada a lacre, que nem sempre é aberta, que muitas vezes, é devorada, rasgada, lida de uma só vez…amar é aguardar a carta de um remetente que ainda nos é incognoscível, que, um dia de cor, nos escreverá com palavras de arco-íris e essa saberemos que podemos abrir!

11:06 da manhã  
Anonymous Stela said...

São cartas fechadas mas podem ter o arco-íris lá dentro.... tens uma Mãe sábia. quanto às coincidências, elas realmente existem. quando li aquele post, poderia jurar que cada palavra ali proferida era somente para mim... há coincidências danadas :o)

8:53 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home