segunda-feira, novembro 08, 2004

Ida matinal ao ginásio

O que uma mulher sofre para se manter linda e maravilhosa e sem celulite. Acordar às sete da manhã, conseguir arrastar-se até ao autocarro, esperar 20 minutos pelo 16, dormitar um bocadinho na paragem ao lado de uma senhora gorda a caminho da praça e de um jovem sem-abrigo (há que ser politicamente correcta...) que não toma banho há duas semanas, conseguir entrar no autocarro apilhado e, meia hora depois, chegar ao Holmes.

Aí começa a verdadeira aventura. Primeiro, desencantar um cacifo disponível (desconfio que eles aceitam sócios a mais fiando-se nas malucas como eu, que pagam todos os meses e raramente lá põem os pés). Depois seguir para a piscina e conseguir um lugar na aula de hidroginástica, onde já estão 323 senhoras tão gordas como a da paragem do autocarro que, obviamente, conseguem acordar cedissimo e chegar a horas.

Seguem-se 45 minutos de terror. Elas conseguem acompanhar lindamente a coreografia da piscina. Eu vou para a esquerda quando elas vão para a direita e para a direita quando o professor manda avançar para a esquerda. Sinto-me terrivelmente deprimida, mas insisto (o professor é giro que se farta e recuso-me a dar parte de fraca). Depois descubro que as 323 senhoras gordas conseguem aguentar-se perfeitamente enquanto a mim já me falta a respiração. Nesse momento juro a mim própria que nunca mais vou pegar num cigarro. Talvez até vá à minha médica, pedir uns daqueles comprimidos maravilha para passar a odiar a nicotina.

Terminada a aula, é a corrida para o chuveiro. Mais uma vez elas conseguem andar mais do que eu e vejo-me no fim de uma fila interminável de senhoras que conversam animadamente sobre a empregada lá de casa, o marido empresário que está fora em trabalho ou as últimas novidades da Loja das Meias. Para piorar tudo, as minhas pernas começam a lembrar-se que há muito tempo que não se mexiam tanto e reclamam desesperadamente.

Passadas três horas, depois de mais uma corrida, desta vez para o secador de cabelo, saio do Holmes pronta para mais um dia de trabalho. Claro que antes ainda preciso apanhar o Metro e subir até ao Chiado, mas não há-de ser nada. Quando chegar, é só ligar o computador, pegar nos jornais do dia e ir para o café da esquina tomar um ENORME pequeno almço, mais uma bica e um cigarro.

O que uma mulher sofre para se manter linda e maravilhosa e sem celulite...

7 Comments:

Blogger Magnolia said...

16? Apanhas o 16? Não me digas que és minha vizinha...
Olha que bonito, dançar tangos e valsas no meu jardim, eh, eh, eh!

11:51 da tarde  
Blogger aNa said...

e consegues? ser linda, maravilhosa e sem celulite?
espero bem que sim!!! porque com esse trabalho todo...
já agora, fazes isso quantas vezes por semana?

11:56 da manhã  
Blogger papoila said...

e em que holmes é que a menina anda? no da av. liberdade ou no da duque de loulé...? (acho que é assim que se chama a rua).
eu tive uma "briguinha" com uma gaja insuportável do da Av. Liberdade.

Conta-me tudo não me escondas nada.
há aulas para prenhes como eu?

6:20 da tarde  
Blogger Bekx said...

Conselho amigo: muda para o Holmes da 5 de Outubro e treina à hora de almoço. Vais ver que não são só os professores que são giros:)

7:56 da tarde  
Blogger t&v said...

o 16, é verdade, esse belo autocarro, sempre pontual, com o qual nos brinda a nossa falida carris.

essencial para me manter linda e maravilhosa e sem celulite, que isto não é para todos e se eu não gostar de mim quem gostará e agora que falo nisso, vou também começar a tomar leite Matinal e tudo :)

a tua questão, Papoila, é mais dificil. a câmara de turturas onde tento ir de vez em quando é na defensores de chave. prometo que da póxima vez em que as minhas doridas pernas me permitirem lá ir, vou averiguar se têm alguma coisa bara ti :)

beijinhos

10:36 da tarde  
Blogger al said...

Holmes' Place, o 16, Defensores de Chaves: que conversa tão urbana para um rústico como eu. Aqui no campo, o mais próximo que arranjo de exercício é o levantamento de imperiais a qualquer hora no café do Zé, mas duvido que isso melhore a minha linha (também não tenho praticado muito, descansem...).

4:25 da tarde  
Blogger Mikado said...

Moral do post, vale sempre a pena a ida matinal ao ginásio, nem que seja para ver que há 323 gordas e que ao pé delas somos top models.

5:19 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home