sábado, novembro 20, 2004

Azar

O que é que se faz quando aquele gajo giro que andamos a encontrar todos os dias no café nos vê a subir a rua em pânico porque a mini-saia se enrola nas meias e de repente se transforma num cinto?

3 Comments:

Blogger al said...

Bom, dando de barato que o sortudo reparou e gostou do que viu, temos aqui uma clássica situação de "vantagem de lá"; face a isto, e falando na perspectiva de um homem, o que pode ter inconvenientes, podemos:
1- Suicidar-nos (não aconselhada);
2- Voltar ao café como se nada fosse, mas usando umas prudentes calças ou, no mínimo, uma saia mais comprida e travada;
3- Deixar de ir àquele café por uns dias;
4- Se se conhecer o sortudo, comentar desprendidamente o episódio, e depois, agir de acordo com as respostas (até pode nem ter reparado na aflição; nós, os homens, somos muito distraídos - eu pelo menos sou);
5- Seja qual for a solução escolhida, o essencial é seguir o instinto, capisce?
P.S.: Calculo que o post fosse retórico, mas não resisti.

4:42 da tarde  
Blogger t&v said...

Este post era uma piadinha a uma amiga, mas a tua resposta esteve lindamente :)
- o suicídio parece-me realmente um pouco excessivo...
- a hipótese dois também não me agrada muito. afinal a mini-saia está na moda e, mesmo com um frio de rachar, é um must da estação.
- desistir do café, o único de jeito ali na zona? nunca!!
- a última é a mais complicada, porque ao que me constou este "sortudo" reparou perfeitamente, como se notou pela gargalhada nada cavalheiresca.

Assim sendo, apostemos no instinto. o meu conselho foi para insistir nas mini-saias, mesmo com cinco graus de mínima, e aumentar o número de idas ao café, para o sortudo distraído ver o que anda a perder.
:)

t&v

10:25 da tarde  
Blogger Samuel said...

Sorte. A dele. Abençoada mini-saia...

8:29 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home